Dor lombar gestacional: impacto de um protocolo de fisioterapia

Silvia Reis Vaz de Moura, Rachel da Silveira Campos, Sílvia Helena Vanzelli Mariani, Arnaldo Augusto Franco da Siqueira, Luiz Carlos de Abreu

Resumo


Objetivo: Verificar o efeito do protocolo de fisioterapia em lombalgia gestacional Método: Foram avaliadas e tratadas 14 grávidas, com idade média de 22 anos e no quinto mês gestacional. Esta amostra de conveniência foi dividida em grupo controle e tratado, sendo distribuídos aleatoriamente para a composição dos grupos. Ambos foram submetidos a uma anamnese e responderam ao questionário genérico de avaliação da qualidade de vida MOS SF-36 e ao questionário da dor de McGill durante o tratamento. O grupo tratamento foi submetido ao protocolo de fisioterapia. Resultados: Foram comparadas às pontuações do questionário SF-36 de duas maneiras: entre os grupos tratamento e controle (nos 1º, 2º e 3º meses separadamente) e dentro de cada grupo comparando os três meses de coleta. Foi utilizado o teste de Friedman para comparar os grupos na variável mês. Conclusão: O protocolo de exercícios fisioterápicos no tratamento da lombalgia foi eficaz por produzir um alívio e uma diminuição na intensidade da dor lombar, possibilitando a melhora na qualidade de vida dessas gestantes.


Palavras-chave


Lombalgia; gravidez; exercícios fisioterápicos; tratamento

Texto completo:

PDF

Referências


Johansson G, Norén L, Östgaard HC, Östgaard S. Lumbar back and posterior pelvic pain during pregnancy: a 3-year follow-up. Eur Spine J 2002;11:267-71. http://dx.doi.org/10.1007/s00586-001-0357-7

Hilde G, Stuge B, Vollestad N. Physical therapy for pregnancy-related low back and pelvic pain: a systematic review. Acta Obstet Gynecol 2003;82(11):983-90. http://dx.doi.org/10.1034/j.1600-0412.2003.00125.x

Artal R, Drinkwater BL, Wiswell RA. O exercício na gravidez. Editora Manole; 1999.

Pereira JS, Silva ARA. Comparação entre exercícios de alongamento estático e movimentos repetidos na lombalgia. Fisioter Mov 2002;15(1):11-7.

Commissaris DA, Dieën JH, Hirschfeld H, Wikmar LBN. Joint coordination during whole-body lifting in women with low back pain after pregnancy. Am Acad Phys Med Rehabil 2002;83(9):1279-89. http://dx.doi.org/10.1053/apmr.2002.33641

Birch K, Fowler NE, Rodacki AL, Rodacki CL. Stature loss and recovery in pregnant women with and without low back pain. Arch Phys Med Rehabil 2003;84(4):507-12. http://dx.doi.org/10.1053/apmr.2003.50119

Mens JMA, Vleeming A, Vries HJ, Wingerden JPV. Possible role of the long dorsal sacroiliac ligament in women with peripartum pelvic pain. Acta Obstet Gynecol Scand 2002;81(5):430-6. http://dx.doi.org/10.1034/j.1600-0412.2002.810510.x

Ferreira CHJ, Nakano AMS. Reflexões sobre as bases conceituais que fundamentam a construção do conhecimento acerca da lombalgia na gestação. Rev Latinoam Enferm 2001;9:95-100. http://dx.doi.org/10.1590/S0104-11692001000300015

Calderon IMP, Conti MHS, Rudge MVC. Desconfortos músculo-esqueléticos da gestação: uma visão obstétrica e fisioterápica. Femina 2003;31(6):531-5.

Scialli AR. Evaluating chonic pelvic pain. J Reproductive Med 1999;44(9):945-1011.

Martins RF, Silva JLP. Prevalência de dores nas costas na gestação. Rev Assoc Med Bras 2005;51:144-7. http://dx.doi.org/10.1590/S0104-42302005000300014

Mogren IM. Previous physical activity decreases the risk of low back pain and pelvic pain during pregnancy. Scand J Public Health 2005;33(4):300-6. http://dx.doi.org/10.1177/140349480503300410

Faghih ZS, Garshasbi A. The effect exercise on the intensity of low back pain in pregnant women. Int j Gynaecol Obstet 2005;88(3):271-5. http://dx.doi.org/10.1016/j.ijgo.2004.12.001

Balderston KD, Carlson HL, Carlson NL, Pasternak BA. Understanding and managing the back pain of pregnancy. Curr Womens Health Rep 2003;3(1):65-71.

Mantle J, Polden M. Fisioterapia em Ginecologia e Obstetrícia. São Paulo (SP): Editora Santos; 2002.

Pahlbäck M, Pilo C, Ringdahl KH, Wikmar LN. Perceived pain and self-estimated activity limitations in women with back pain postpartum. Physiother Res Int 2003;8(1):23-35. http://dx.doi.org/10.1002/pri.269

Barnes R, Gonzalvez S, Kulig K, Landel R, Requejo SM. The use of a modified classification system in the treatment of low back pain during pregnancy: a case report. J Orthop Sports Phys Ther 2002;32(7):318-26. http://dx.doi.org/10.2519/jospt.2002.32.7.318


Apontamentos

  • Não há apontamentos.